Notícias

Colectivo Arbol: a televisão como ferramenta


Encontramos Lourdes Nunez junto à delegação da Cordinadoria de Economia Solidaria de Uruguay, entretanto, ela não era artesã ou pequena empreendedora. Lourdes pertence ao Colectivo Arbol, que surgiu em 2003 na capital uruguaia. Focado na capacitação de jovens da capital e do interior do país em audiovisual, a uruguaia nos conta que o que coletivo que ela faz parte também busca fomentar o debate da utilização do audiovisual como uma ferramenta de transformação social. Confira abaixo o vídeo e visite o site do Colectivo Arbol clicando aqui.

[youtube Q3thbk7WLT0 nolink]

Texto: Júlia Schnorr