Notícias

Povos Indígenas integram o movimento de economia solidária


Índios do Mato Grosso, Bahia e interior do Rio Grande do Sul representam os povos indígenas na 17 ª Feicoop. Ervas naturais, usadas com sabedoria ancestral, e coloridos artesanatos são alguns dos elementos culturais das etnias presentes. Guaranis, Kaingangs e Pataxós integram a comunidade indígena.

Kolinã Terena, do Mato Grosso do Sul, comenta sobre a importância da Feira e do movimento de economia solidária. Um dos precursores da Associação dos Povos Indígenas, em Santa Maria, Kolinã diz que se sentiu muito acolhido na Feira.

O outro depoimento é do índio Merong Tapurunã, da etnia Pataxó Hãhãhãe. Vindo da aldeia Caramuru, na cidade de Pau Brasil, Bahia, ele comenta sobre o período que está no Rio Grande do Sul.

Em um momento de comunhão, os índios de diferentes tribos mostram o canto religioso da tribo Pataxó Hoteho Me a Konehõ Tanara, que em português significa Nós somos filhos da natureza.

[youtube jbUywZvfN4M nolink]

Texto: Priscila Costa

Fotos: Júlia Schnorr