Notícias

Colectivo Arbol: a televisão como ferramenta


Encontramos Lourdes Nunez junto à delegação da Cordinadoria de Economia Solidaria de Uruguay, entretanto, ela não era artesã ou pequena empreendedora. Lourdes pertence ao Colectivo Arbol, que surgiu em 2003 na capital uruguaia. Focado na capacitação de jovens da capital e do interior do país em audiovisual, a uruguaia nos conta que o que coletivo que ela faz parte também busca fomentar o debate da utilização do audiovisual como uma ferramenta de transformação social. Confira abaixo o vídeo e visite o site do Colectivo Arbol clicando aqui.

[youtube Q3thbk7WLT0 nolink]

Texto: Júlia Schnorr


TV OVO completa 14 anos


A Oficina de Vídeo TV OVO completa 14 anos nesta quarta-feira, 12 de maio. Para comemorar, a TV OVO realizará exibições de suas produções (documentários e reportagens) na Praça saldanha Marinho, em frente a Casa de Cultura, a partir das 18h.

A TV OVO surgiu em 1996 com oficinas de audiovisual direcionada ao público jovem. Tratava-se de uma realização da Associação Comunitária da Vila Caramelo. Em 1997, tornou-se uma Associação sem fins lucrativos (Oficina de Vídeo), dando início a ideia de TV comunitária com o objetivo de mostrar a realidade das comunidades dos jovens que participavam das oficinas. Entre seus projetos está o TV OVO no Ônibus, que desde 2001 exibe programação mensal nas linhas de ônibus de transporte coletivo Expresso Medianeira. O programa apresenta reportagens de enfoque comunitário que trazem e aliam informação, cultura e entretenimento. Além disso, possui projetos conveniados com o Ministério da Cultura: Ponto de Cultura Espelho da Comunidade, Pontão de Cultura Focu – Fomento Cultural, Agente Cultura Viva e Ponto de Mídia Livre.

O núcleo de produção da TV OVO é integrado por jovens de 15 a 29, oriundos das oficinas de formação que foram realizadas ao longo dos 14 anos de existência da TV, e de estagiários dos cursos de Comunicação Social – Jornalismo da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e do Centro Universitário Franciscano (UNIFRA).

O que: Aniversário da TV OVO

Quando: a partir das 18h, dia 12/05

Onde: Praça Saldanha Marinho


LIVRO LIVRE: Caco Barcellos na Língua dos Sinais


Guilherme, estudante de jornalismo da UFSM, é fã do repórter da Rede Globo

O frio de outono, cadeiras ocupadas e escadarias lotadas. Esse era o cenário que esperava o jornalista da Rede Globo Caco Barcellos na palestra LIVRO LIVRE. Muitos estudantes de jornalismo iriam fazer a cobertura do evento ou tinham que realizar algum trabalho para a faculdade, por isso estavam atentos ao repórter.
Logo que chegou à Praça Saldanha Marinho, Juliana Corrêa de Lima, 26 anos, sentou-se de costas para o palco e de frente para a escadaria. Seus olhos não estavam atentos ao Caco, mas seus ouvidos sim.  Através das LIBRAS, a professora de Educação Especial, interpretou toda a palestra para Guilherme, durante as mais de duas horas de apresentação do LIVRO LIVRE. O estudante do primeiro semestre de Jornalismo da UFSM, Guilherme Leopold Silveira, é fã do repórter, sendo que já leu um de seus livros, o ‘’Abusado’’.

Confira abaixo entrevista com a intérprete sobre LIBRAS e a realidade da inclusão na atualidade:


Reportagem e fotos: Júlia Schnorr

Vinheta: Marcos Borba

Trilha: Rodrigo Tranquilo


Coberturas compartilhadas marcam ações da TV OVO fora de SM


Acreditando que novas formas de comunicação são possíveis, a TV OVO participa de coberturas de eventos sobre cultura, juventude, participação política, software livre, economia solidária, música e cinema. Todas as ações são feitas de forma horizontal, com participação de diversos outros coletivos, como pontos  de cultura, associações e profissionais liberais. Essa diversidade de olhares faz com que haja um enriquecimento na comunicação e no debate sobre a construção da informação.

Confira um pouco dessas experiências abaixo:

AGÊNCIA FISL - Cobertura do 10.0 Fórum Internacional de Software Livre – Porto Alegre – RS

AGÊNCIA FSM 10 – Cobertura das comemorações dos 10 anos do Fórum Social Mundial – São Leopoldo – RS.

TEIA SUL – Encontro Regional de Pontos de Cultura/Região Sul – São Francisco do Sul – SC

FESTIVAL DE CULTURA DO PARANÁ – mostras, shows, debates e oficinas artísticas – Curitiba – PR

TEIA 2010 – Encontro Nacional dos Pontos de Cultura / Fortaleza – CE

Texto: Francele Cocco e Júlia Schnorr


Abertura Livro Livre – Sábado 24 de abril de 2010


A abertura do Livro Livre contou com a participação de João Guilherme Estrela e Guilherme Fiuza, discutindo em plena Praça Saldanha Marinho as questões que envolveram a história e o processo de escrita do livro “Meu Nome não é Johnny”, que ganhou notoriedade em sua versão cinematográfica, homônima, diriga por Mauro Lima.

Mais detalhes no site oficial da Feira do Livro de Santa Maria.

Confira as fotos .


Cobertura Feira do Livro de Santa Maria


A Cobertura Colaborativa TV OVO acompanhará todas as atividades que envolvem a Feira do Livro de SM em 2010, desde suas intervenções artísticas e lúdicas, Livro Livre e Circuito Elétrico.

Os conteúdos  produzidos serão disponibilizados através do site da TV OVO ( www.tvovo.org ). O conceito que será utilizado pela cobertura da TV é baseado na instantaneidade. Para isso, utilizaremos o twitter (@tvovo), com a #2010feiradolivrosm, e a edição de entrevistas na hora e posterior postagem no Youtube, canal do PC Espelho. As fotografias serão abrigadas direto no Picasa ( www.picasaweb.google.com/tvovofeiradolivro2010). Tudo de forma ágil que atenda o público de Santa Maria, divulgando parte das atividades da Feira.

    • A utilização de portais e redes sociais abertas serve para agilizar o processo de postagem dos conteúdos e todos terão senha para subir diretamente, ou podem deixar com a produção para que sejam postadas. Usaremos a estrutura da TV OVO que já apresenta internet, computadores e ilha de edição.
    • A cobertura será composta de dois ou mais vídeos por dia, publicações de texto relacionadas aos vídeos além de 1 Podcast por dia.