Notícias

Cobertura Feira do Livro de Santa Maria 2012


Neste sábado, 28, inicia a Feira do Livro de Santa Maria, que traz como tema “Que sentidos a leitura te disperta?”. A equipe da TV OVO vai acompanhar a movimentação na Praça Saldanha Marinho e todo dia trará alguma informação.

Para começar, convidamos a todos para a cerimônia de abertura da Feira do Livro 2012. A solenidade, que começa às 11h, contará com a presença do Patrono, Pedro Brum Santos, escritor e professor de Literatura do curso de Letras da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), do Homenageado, Romeu Beltrão, historiador santa-mariense e da educadora Homenageada, Maria Luiza Ritzel Remédios, professora e também natural do coração do Rio Grande. Os três foram escolhidos pela Comissão Organizadora da Feira do Livro de Santa Maria.

Além da venda de livros, a feira terá 107 lançamentos, bate-papo com nomes conhecidos, entre eles estarão o jornalista da TV Globo Marcelo Canellas e o escritor Gabito Nunes, além de apresentações artísticas. Os livros infantis serão lançados das 14h às 16h30 e os demais livros das 17h30 às 19h. Já os interessados em acompanhar o Livro Livre devem estar na feira às 19h30.

A Feira do Livro vai até 13 de maio, na Praça Saldanha Marinho. Os horários de visitação serão de domingo a sexta-feira, das 13h às 21h, e aos sábados, das 10h às 21h. A edição 2012 é uma realização da Prefeitura Municipal, Câmara do Livro, CESMA, UFSM, UNIFRA, 8ª Coordenadoria Regional de Educação, SESC-RS e SESI-RS.

Você também pode acompanhar as novidades e a programação completa pelo site da Feira do Livro.

Confira o vídeo de divulgação da Feira.

[youtube 2YPIMBcrvaM&feature=youtu.be nolink]

Texto: Alessandra Noal


Abertura Oficial 17ª Feicoop e 6ª Feira Ecosol Mercosul


A abertura da 17 ª Feicoop (Feira Estadual do Cooperativismo) e 6ª Feira da Economia Solidária do Mercosul contou com a presença de diversas autoridades e empreendimentos solidários.

A Feicoop iniciou em julho de 1974, e, nas palavras da Irmã Lourdes Dill, coordenadora do evento, a feira é um local para reciclar ideias, pois ela é muito mais do que se vê e do que se vende, é um lugar para construir novas formas, novos jeitos, novos pensamentos. A Irmã ainda salientou que, assim como a Feicoop, tudo que nasce pequeno vira processo, diferente do que nasce grande, que segundo ela, vira monstro e engole, sufoca, o que é pequeno, a exemplo do capitalismo.

Outro aspecto a ser destacado é que a água não é comercializada no âmbito da Feira, pois, para a economia solidária, ela é fonte de vida, assim como o ar, a semente e a terra.

Confira abaixo imagens da abertura oficial.

[youtube d96cyCIJGHA nolink]

Texto: Neli Mombelli

Foto: Júlia Schnorr

Imagens: Juan Pablo Soares

Edição: Marcos Borba

Vinheta: Alexsandro de Oliveira

Trilha: Rodrigo Tranquilo