Notícias

Filme “Mulher do Pai” estreia no cinema em Santa Maria


O longa-metragem de ficção, Mulher do Pai, com roteiro e direção da cineasta gaúcha Cristiane Oliveira, será lançado no cinema de Santa Maria e de todo Brasil no dia 22 de junho de 2017. O filme estreou no circuito de festivais em outubro de 2016 no Festival do Rio e recebeu os prêmios de Melhor Direção, Melhor Fotografia e Melhor Atriz Coadjuvante, além do prêmio de melhor longa realizado por diretor estreante da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) durante sua exibição na 40º Mostra Internacional de São Paulo.

O filme teve estreia internacional em fevereiro deste ano na Alemanha, durante o Festival de Berlim, um dos maiores e mais importantes eventos de cinema do mundo, e, de lá, seguiu para outros festivais como o Festival de Guadalajara no México; para a Bienal Internacional do Cinema Sonoro em Goiás, onde recebeu os prêmios de Melhor mixagem e Melhor edição de som; e para o Festival Internacional de Cinema do Uruguai, recebendo o prêmio FIPRESCI na Competição Iberoamericana. Mulher do Pai ainda será exibido no Cinema Jove – Festival Internacional de Valencia na Espanha e no Flying Broom International  Women’s Film Festival na Turquia.

A trajetória de Mulher do Pai é um retrato da cinematografia atual produzida no Rio Grande do Sul, que tem cada vez mais ganhado espaço no cenário nacional e internacional com obras que se destacam pela qualidade técnica e artística.

A TV OVO está apoiando a divulgação deste filme por entender que precisamos fomentar a distribuição e a exibição da produção nacional nas mais diversas telas. E uma forma de contribuir para que essa produção se fortaleça é formar público. Então agenda aí: 22 de junho no cinema em Santa Maria.

Por Valdemar Neto

mulher do pai

Sinopse

Filmado em 2015 no interior do Rio Grande do Sul, o filme traz para as telas o trabalho de Marat Descartes e Maria Galant como protagonistas da trama que conta a história de Ruben e Nalu, respectivamente pai e filha. Ele é um homem de 40 anos que ficou cego ainda jovem. Nalu é uma adolescente de 16 anos que está se tornando mulher. Eles precisarão aprender a se relacionar como pai e filha depois da morte de Olga, mãe de Ruben – forte e super protetora, que os criou quase como irmãos. O afeto que surge entre ambos entra em conflito quando Rosario, uma atraente uruguaia ganha espaço na vida de ambos.

 

 

 

Assista ao trailer


Cinema gaúcho


Começa hoje em Porto Alegre e em diversos cineclubes do interior do estado a Semana do Cinema Gaúcho. O Dia do Cinema Gaúcho é comemorado no dia 27 de março, uma referência à primeira exibição do filme ”O ranchinho do sertão” (Eduardo Hirtz), de 1909. O curta foi inspirado no poema do pelotense Lobo da Costa ”Ranchinho de Palha”.