Notícias

Oficina de audiovisual começa na Escola Hylda Vasconcellos


Um dia chuvoso e frio, não muito agradável, marcou o início da oficina de realização audiovisual na semana passada, na Escola Municipal Hylda Vasconcellos. Mas mesmo assim, a galera não desanimou e compareceu na aula. Já o segundo dia,  quente e ensolarado, perfeito para fazer imagens, animou a todos, que estavam bem curiosos para fazer os primeiros takes. São 18 alunos, entre 12 e 17 anos,  que estão participando das atividades.

A oficina faz parte do projeto Olhares da Comunidade, aprovado na Lei de Incentivo à Cultura, e deverá seguir até o final de outubro. A ideia é que a gurizada aprenda teoria e técnica audiovisual, desde operar câmeras a roteirizar e produzir um documentário sobre a comunidade onde vivem, no bairro Campestre do Menino Deus.

Os meninos (Jonathan, Lucas e Raudrey) que dão as oficinas também passaram pelo mesmo processo. Em 2oo5, quando estudavam nas escolas dos bairros Nova Santa Marta, Nonoai e Cohab Fernando Ferrari, fizeram as oficinas da TV OVO e integraram a equipe que colabora com a entidade.

Enquanto no Campestre as atividades estão começando, na Vila Oliveira, elas estão terminando. A oficina na Escola Municipal Castro Alves, que começou em maio, termina no final do mês de agosto. As alunas de lá, sim, são só meninas, já estão gravando os depoimentos que farão parte do documentário que será produzido por elas.