Campanha “Kiss: 100 meses de impunidade” pede por justiça maio 31, 2021


Na manhã da última quinta-feira (27), a Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM) e o Coletivo Kiss Que Não se Repita se reuniram para o ato de lançamento da campanha “Kiss: 100 meses de impunidade. Até quando esperar?”. Familiares e amigos das 242 vítimas fatais da tragédia soltaram alguns balões pretos como pedido de justiça e 242 balões em homenagem aos que se foram.

O ato ocorreu em frente à boate, ao ar livre, com todos os participantes utilizando máscaras, com distanciamento social e vestindo camisetas da campanha. Havia um telão transmitindo uma chamada de vídeo em que estavam os jornalistas Marcelo Canellas, Daniela Arbex, o diretor de cinema Luis Alberto Cassol e familiares. Pessoas que passavam pelo local pararam para assistir ao ato e ouvir o depoimento da mãe de uma das vítimas. O ato também foi transmitido no Facebook da AVTSM e no nosso canal do YouTube.

Nos próximos meses, haverá uma série de intervenções como lives e entrevistas com mães, pais e sobreviventes, lançamento de um documentário que vai relembrar a tragédia e o papel dos responsáveis, além de um vídeo com personalidades públicas pedindo justiça e responsabilização dos culpados. As intervenções seguem até o dia 1º de dezembro, data prevista para o início do júri dos quatro réus – os sócios da boate Kiss e dois integrantes da banda Gurizada Fandangueira. A série de entrevistas chamada Até quando esperar? pode ser acompanhada pelo Facebook da AVTSM, pelo instagram do coletivo Kiss que não se repita e no nosso canal no YouTube. A primeira delas já está disponível na playlist da série  e traz os relatos de Kelen Ferreira, Vanda Dacorso e Fátima Oliveira, mediados pelo cineasta Luiz Alberto Cassol,

Por Giovana Dutra

 

Tags:, , , , , , , ,
Postado por: TV OVO

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.